Advocacia

5 séries sobre Direito para maratonar e se divertir

8 de dezembro de 2020
imagem promocional da serie better caul Saul, com o protagonista em pé em destaque

Escolhemos cinco seriados que abordam de formas distintas a rotina jurídica, com enredos que envolvem desde estagiários até juízes das mais altas cortes.

A rotina de profissionais da área jurídica inclui um grande número de processos, prazos curtos e leituras extensas, bem como a obrigação de trazer bons resultados. Como consequência, doenças relacionadas ao estresse motivaram 30% das licenças médicas de advogados e 60% de procuradores. As informações são de uma pesquisa de 2019 sobre Saúde na Justiça, baseada em dados do INSS.  

Portanto, é essencial que os profissionais de Direito tenham um tempo para cuidar de sua saúde mental, inclusive com descanso e entretenimento. Aliás, essas também são etapas fundamentais para aumentar a produtividade profissional.   

Então, com o intuito de ajudá-lo a relaxar a mente ao mesmo tempo em que adquire conhecimento, selecionamos cinco séries para acompanhar em diferentes plataformas de streaming. Com roteiros reais ou não, elas abordam não apenas as dificuldades, como também a complexidade do cotidiano jurídico. 

Bull  

A série Bull estreou em 2016 na televisão dos EUA e é a mais recente de nossa lista. Ela detalha os trabalhos da Trial Analysis Corporation (TAC), uma firma de consultoria de julgamentos comandada pelo Dr. Jason Bull, psicólogo e especialista na “ciência de julgamentos”. Apesar de não ser advogado, Dr. Bull atua como um consultor de julgamentos. Para isso, utiliza os conhecimentos de seus três PhDs aliados a tecnologia de ponta, como Legal Analytics e Big Data. Assim, Bull e sua equipe usam psicologia, intuição e dados de alta tecnologia para entender o perfil dos jurados e ajudar na absolvição dos clientes. O seriado pode ser assistido na Globoplay e está na quarta temporada.  

Suits  

A premiada série Suits estreou na televisão norte-americana em 2011 e aborda o mundo dos departamentos jurídicos, detalhando principalmente o fictício escritório Pearson & Hardman, situado em Nova York. Na história, Michael “Mike” Ross é um jovem brilhante, mas que nunca se formou em Direito. Mesmo assim, conseguiu trabalhar ao lado de Harvey Specter, um dos principais advogados de Manhattan. O ponto alto da série são as estratégias apresentadas para vencer negociações. Tudo com um toque de humor e uma dinâmica que prende a atenção dos telespectadores. O seriado conta com nove temporadas, 134 episódios e chegou ao fim no dia 25 de setembro de 2019. Ela está disponível na Netflix.  

How to get away with murder  

Interpretada por Viola Davis, a advogada e professora Annalise Keating trabalha na Universidade da Filadélfia e cinco de seus alunos começam a trabalhar como estagiários em seu escritório. A trama, então, gira em torno da competição entre esses estudantes para participar da aula de Direito Criminal 1, a também conhecida “Como Se Livrar de Um Assassinato” (tradução de How to get away with murder). A partir disso, a história envolve assassinatos, conspirações e teorias jurídicas interessantes para estudantes e profissionais do Direito, abordando a importância de requisitos como estratégia, ética e conhecimento. Além disso, a trama é muito envolvente e repleta de reviravoltas. Cinco temporadas da série estão disponíveis na Netflix, e uma nova temporada é esperada para os próximos meses.    

The Good Wife  

Após anos como dona de casa dedicando sua atenção apenas à família, Alicia Florrick se vê obrigada a retomar a carreira de advogada por conta de um escândalo sexual envolvendo seu marido. Além de casos jurídicos que exigem resoluções complexas, a trama ainda aborda a questão de gênero e traz reflexões sobre o papel da mulher na sociedade e no mercado de trabalho, ambientes muitas vezes machistas. Com um tom mais sério, a série tem um dos maiores repertórios jurídicos, que variam de situações vivenciadas por estagiários até juízes das altas cortes. The Good Wife tem sete temporadas e está no Prime Video e na Claro Video.  

Better call Saul  

Spin-off da premiada série Breaking Bad, Better call Saul conta a história do advogado Jimmy McGill antes de se tornar o polêmico Saul Goodman, um personagem contraditório e que tem uma atuação jurídica questionável. Assim, a trama ocorre seis anos antes do encontro de Saul com Walter White e Jesse Pinkman. Questões éticas, limites legais da profissão e erros na captação de clientes são o principal foco da série. Por outro lado, há insights relevantes para desenvolvimento de técnicas de negociação e argumentação e para a construção de um networking sólido. Better Call Saul tem 5 temporadas – e a promessa de uma última para 2021 – e pode ser assistido na Netflix.  

American Crime Story  

Série antológica de crimes reais, estreou em 2016 e é semelhante a American Horror Story, na qual cada temporada é apresentada como uma minissérie autônoma, porém seguindo eventos verdadeiros e independentes. A primeira temporada, por exemplo, fala sobre os bastidores do julgamento de O.J. Simpson, um ex-jogador de futebol americano acusado de matar a mulher e um amigo em 1994. Contada através da visão dos advogados, a história aborda os acordos e manobras feitas por ambas as partes do julgamento. Já a segunda temporada explora o assassinato do estilista Gianni Versace, cometido pelo seria killer Andrew Cunanan. A série está disponível na Netflix, porém apenas em sua primeira temporada. 


Pronto! Com essas cinco dicas de séries, você poderá se divertir e ainda enriquecer os seus conhecimentos jurídicos. Então, separe um tempo livre, prepare a pipoca e deixe um bloco de notas ao lado. Afinal, nunca se sabe quando uma boa ideia da ficção pode ser útil na vida real.  

Leia também: